CBHb Site Oficial da Confederação Brasileira de Handebol

Site Oficial
da Confederação
Brasileira de
Handebol

CBHb Site Oficial da Confederação Brasileira de Handebol

Buscar

CBHb no Facebook CBHb no Twitter CBHb no YouTube CBHb no Instagram

Mundiais de handebol passarão a ter 32 equipes

IHF decide aumentar o número de participantes na competição

Durante a reunião do Conselho da Federação Internacional de Handebol (IHF), ocorrida ha duas semanas em Doha, no Qatar, foi decidido que a partir de 2021, os campeonatos mundiais terão 32 países participantes e não mais 24, como é atualmente. O novo formato valerá para todas as categorias, da base ao adulto.

Além disso, foi colocada em debate também a divisão da Federação Continental das Américas, criando um organismo para a América do Norte e Caribe e outra para as Américas do Sul e Central. O objetivo é ampliar a promoção e divulgação do handebol ao redor do mundo, dando mais  oportunidades para outros países de disputarem o Mundial e assim alavancarem o esporte em seus territórios. Hoje, somente o Brasil e a Coreia do Sul conquistaram títulos mundiais sem serem países da Europa.

Contudo, na questão da divisão da América, existe uma peleja entre IHF e PATHF, ficando assim como uma questão pendente.

Para o presidente da Confederação Brasileira de Handebol (CBHb), Ricardo Souza, esse movimento é uma tendência em todas as modalidades e tem tudo para ser positivo. “O aumento do número de participantes nos mundiais de handebol desde a base até a categoria adulta é uma caminho mundial no esporte e fará com que mais países possam desenvolver a modalidade, porém, ainda resta saber como serão divididas as novas vagas", disse o dirigente.

Apoiador Oficial

Cola Oficial

Apoio

Links

CBHb Site Oficial da Confederação Brasileira de Handebol